LITERATURA E OUTRAS LINGUAGENS: O CONHECIMENTO À LUZ DA TRANSDISCIPLINARIDADE (VI SEMANA DE LETRAS)


VI SEMANA DE LETRAS
UEMA (CAMPUS TIMON)

Convidamos toda a comunidade acadêmica para participar da VI Semana de Letras da UEMA (Campus Timon) a ser realizada nos dias 21, 22 e 23 de Novembro. As inscrições tanto de participação quanto de apresentação de trabalhos já estão abertas e poderão ser feitas na sede da Uema-Timon. O evento contará com a presença de alguns pesquisadores do grupo Cataphora, da Uespi, da Ufpi e da Uema.
E-mail para contato: deletras.uemacesti@gmail.com
Valor da inscrição:
15,00 (Sem apresentação de trabalho)
20,00 (Com apresentação de trabalho e um minicurso)
25,00 (Com apresentação de trabalho e dois minicursos)

Vejam  a seguir as normas de submissão de resumos para a modalidade comunicação oral

Texto: As propostas de resumo devem conter um mínimo de duzentas (200) e máximo de trezentas (300) palavras, sem contar o título, o nome do autor e o nome da instituição a que pertence. O resumo não deve incluir notas, tabelas ou referências bibliográficas.
Forma de apresentação: Os resumos devem ser apresentados em formato Windows Word 97-2003, fonte 12, Times New Roman e conterem título do trabalho em caixa alta, centralizado, em negrito. Na linha abaixo, à direita, apresentar o nome completo do autor sem nenhum destaque (em maiúscula, apenas a primeira letra de cada palavra), seguido da sigla da Instituição a que pertence. Abaixo do nome, deverá vir o e-mail. A seguir, o texto em parágrafo único, espaçamento simples entre linhas, no modo justificado. Após o resumo, pular uma linha e incluir três palavras-chave.
Conteúdo: Os resumos devem apresentar, de modo claro, tema ou objeto de estudo, objetivo(s), linha teórica em que se inserem, metodologia e contribuições à área de estudo.
Data: Os resumos para comunicação oral devem ser apresentados, juntamente com a inscrição, até o dia 19 de Novembro de 2012.

Modelo de resumo

GÊNEROS DISCURSIVOS, ESCRITA E AGÊNCIA EM PROJETOS DE LETRAMENTO

Maria Ivone Silveira (IFRN)
ivonesilveira@gmail.com
                                                                                                          
O objetivo deste trabalho é refletir sobre o caráter agentivo dos gêneros discursivos produzidos em eventos de letramento voltados para a ação e mudança social de estudantes. A nossa discussão está ancorada na concepção de linguagem de base bakhtiniana (BAKHTIN [1929]1999); nos estudos de letramento entendido como prática social (KLEIMAN, 1995; BAYNHAM, 1995; BARTON; HAMILTON; IVANIC, 2000); nos estudos críticos defensores da ideia de que todos os textos se constituem em instrumentos ideológicos capazes de conferir poder aos indivíduos (McLAREN, 1987); na abordagem social de gênero discursivo inspirada na Nova Retórica (BAZERMAN, 2006; 2007) e na abordagem textual de perspectiva multissemiótica (VIEIRA, 2007). Os dados em análise foram gerados em projetos de letramento (KLEIMAN, 2000) desenvolvidos com alunos da Educação de Jovens e Adultos, no ano letivo de 2006, numa escola da rede pública de Natal-RN. O trabalho permitiu-nos depreender que, se o objetivo fundamental do ensino de língua na escola são as práticas de linguagem, a língua passa a se incluir num todo maior, devendo favorecer a compreensão de que os gêneros discursivos, em projetos de letramento, abrem a possibilidade para que o estudante leia e escreva para agir discursivamente no mundo social e não para ser avaliado, simplesmente.

PALAVRAS-CHAVE: Gêneros discursivos. Projetos de letramento. Agência.

COMISSÃO ORGANIZADORA
Érica Alessandra Veras Almeida
Franciane Lima Sousa
Lafity dos Santos Silva
Layane Rodrigues dos Santos
Leonildes Pessoa Facundes
Natércia Moraes Garrido
Messias Lima Soares
Soraya de Melo Barbosa Sousa


Nenhum comentário:

Postar um comentário